Encontros de mediação por meio do bordado livre.

Com base nas obras têxteis presentes na exposição Raio que o parta: ficções do moderno no Brasil, a atividade investiga as expressões do bordado e do crochê e instiga o público a ocupar e vivenciar a exposição de uma forma diferente.

Os encontros serão na praça central da exposição e, ao longo do tempo, os tecidos com os bordados criados serão reunidos por meio da costura para compor uma memória coletiva realizada por todos aqueles que vivenciaram esse fazer, reunindo poeticamente os processos educativos do dia a dia.

Ao final da exposição, a intenção é compartilhar essa materialidade construída, estendendo-a na praça central.

Não é necessário conhecimento em bordado. Todos os materiais são fornecidos pelo Sesc e são de uso coletivo.